Rafael Bitencourt denuncia fraude em urnas do RJ
08/10/2018 20:03 em Música

Rafael Bitencourt compartilhou um vídeo nas redes sociais para denunciar fraude em urnas de seu local de votação. Ele tinha ido votar em um bairro do município de Nova Iguaçu, no estado do Rio de Janeiro, com a esposa, quando presenciou irregularidades.

– As urnas foram fraudadas, estão com problema. Foram impugnadas e ninguém consegue votar. (…) Quando você aperta o número um, já aparece o 13, com a cara do Haddad. A gente está em Moquetá, Nova Iguaçu, secão 067, 063 – relatou.

No vídeo, o cantor e sua esposa expressaram indignação, uma vez que não foram às urnas para votar no candidato à Presidência pelo PT, Fernando Haddad. O apoio do casal vai para Jair Bolsonaro, candidado do PSL à Presidência.

 

Em um segundo post, no Instagram, o músico explicou que não filmou a urna fraudada porque é proibido usar aparelhos telefônicos na hora da votação.

 

– É a ditadura do PT, só pode ser isso – afirmou a esposa dele.

 

Os dois pediram que os seguidores ajudassem a divulgar a publicação, a fim de que as pessoas vissem e ficassem atentas. Um dos famosos a compartilhar foi o cantor Pr Lucas, que repostou o vídeo em seu perfil do Facebook.

 

DEFESA
Apesar das acusações, Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) divulgou um vídeo, no qual um perito comprova que o erro apontado em urna eletrônica, que automaticamente exibe o candidato Fernando Haddad quando eleitor digita o número 1, é falso.

 

O vídeo circulou nas redes sociais e deixou eleitores alarmados. A imagem mostrava que, ao apertar o número 1, a urna automaticamente exibia o 13, de Haddad.

 

O TRE-MG afirmou que tudo não passou de uma montagem e usou um vídeo publicado no YouTube para comprovar a defesa de que a informação era falsa.

Quem também se pronunciou foi a procuradora-geral da República, Raquel Dodge. Ela afirmou que o Ministério Público “não hesitará” em agir para combater a disseminação de vídeos com conteúdo falso

COMENTÁRIOS